22 julho 2013

Os custos de uma doméstica. Veja as dicas de Mario Avelino


Na ponta do lápis, o custo que pode, a princípio, surpreender o empregador, acaba se mostrando vantajoso para quem depende de um empregado doméstico 




O custo para contratar uma empregada doméstica é equivalente ao salário pago e, pelo menos, mais 32% do valor.

Por exemplo: Um empregador que contrata empregada doméstica com carteira assinada, em Porto Alegre, onde o piso da categoria é de R$ 770,00, tem um gasto mensal de R$ 1.016,71, para optantes do Modelo Completo na Declaração Anual de Imposto de Renda. De acordo com cálculo elaborado pelo o administrador Mario Avelino, essa quantia contempla, além do pagamento de vale-transporte (uma condução ida e volta na Capital) e INSS, o provisionamento mensal do custo com férias e 13º salário.

“Se o empregador doméstico usar o Modelo Completo na Declaração Anual de Imposto de Renda, ele irá restituir o INSS recolhido durante o ano, e neste caso, a restituição média mês será de R$ 97,18”, destaca Avelino.

Na ponta do lápis, o custo que pode, a princípio, surpreender o empregador, acaba se mostrando vantajoso para quem depende de um empregado doméstico na maior parte dos dias da semana.

“Pelo projeto de Lei do Senado, não haverá a restituição do INSS para o empregador doméstico que usa o Modelo Completo na Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda”, reforça Avelino.

Fonte: Jornal do Comércio

Teste Gratis por 30 dias
Comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...